Família La Dina Bra Zil & Aquino SUSano Faltudo

A família La Dina Bra Zil estava orgulhosa. Afinal os dados divulgados mostravam que a empresa Impostos & Impostos SA tinha atingido a maior arrecadação já registrada, algo em torno de R$ 686 bilhões. Seus acionistas estavam especialmente orgulhosos desse desempenho.

Um deles,chamado Aquino SUSano Faltudo esperava pela biópsia que enfim iria confirmar (ou não) um câncer de próstata. Afinal são só quatro meses de aguardo, primeiro não tinha médico,depois foi a agulha que “fartou”,agora “farta”pouco, pensou ele, quase farto de esperar. Se a coisa fosse confirmada,sabia-se lá quanto mais ia penar, mas era assim mesmo,a empresa ia bem e os acionistas entendiam que os médicos faltam ao serviço e as agulhas nem sempre são fáceis de encontrar, como já diz o ditado.

Seu compadre estava até em pior situação, numa baita fila de espera para operar o joelho estraçalhado, mas a coisa “tava” andando, pelas suas contas só faltavam uns três anos se não entrasse nenhuma emergência no meio. Coisa pouca.

Já sua tia Olga SUSana, quase cega de catarata, vai se operar no mês que vem.Também esperou pouco, coisa de uns cinco anos. Alguém tinha lhe dito que 350 mil acionistas esperam por essa cirurgia. Intriga da oposição, “pensou pensando” no mundão de gente que seria.

Sorte mesmo tivera sua prima, Jacinta das Dores,que não fora mandada embora do hospital superlotado porque seu filho teimara em nascer na sala de espera.Na verdade, fora quase cuspido, não aguentando mais o sacolejar na barriga da mãe indo de um a outro hospital. Também, essa gente só pensa em parir e em adoecer,não consegue se organizar, ficassem eles doentes em meses alternados,conforme a data de nascimento ou parissem nos anos pares os nascidos em anos pares e impares se nascidos nesses. Falta de organização desse pessoal, afinal são acionistas e como tal não deviam adoecer e parir tanto assim.

Afinal, administração é tudo, como sempre dizia sua esposa quando lhe entregava o salário mínimo recebido ao final de um mês de trabalho, que ela administrava sabiamente, já que nunca faltava um prato de comida para a família de cinco pessoas.

Anúncios

2 respostas em “Família La Dina Bra Zil & Aquino SUSano Faltudo

    • Talvez algum dia isso seja possível, mas terei que escrever muitas crônicas da família La Dina
      para compor um livro. Pelo menos sei que vou ter um leitor… ehehehehe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s